Grupo Vieira da Cunha

Chuvoso

Tempo hoje

Min 8 / Max 18 +mais
Notícias > Região > FINANÇAS PÚBLICAS 17/09/2018 - 16h44 por Patrícia Loss

Municípios vizinhos de Cachoeira dependem de recursos do Estado e da União para sobreviverem

Novo Cabrais é o que mais conta com transferências para se manter

Estudo da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) sobre as finanças dos municípios brasileiros de até 20 mil habitantes mostra que todas as 282 cidades gaúchas nesta faixa populacional não conseguiriam se manter com recursos próprios devido ao grau de dependência de recursos dos governos do Estado e federal.

Entre os municípios vizinhos de Cachoeira do Sul, a líder na dependência de repasses é Novo Cabrais. De seu orçamento de 2018 - de R$ 16 milhões - 68,08% é de transferências do Estado e da União.

A receita própria da Prefeitura de Cabrais - estimada em 5,1 milhões para 2018 - é insuficiente até mesmo para o pagamento dos servidores, que consomem, em média, R$ 650 mil por mês, o equivalente a quase R$ 8 milhões por ano.

Publicidade




Já em Cerro Branco 43,33% do orçamento é proveniente de transferências, enquanto em Paraíso do Sul o indicador é de 41,43%.

A maioria das cidades com mais de 20 mil habitantes igualmente dependem de recursos de fora, caso de Cachoeira do Sul, que tem 82,5 mil moradores e em torno de 60% de seu orçamento vem de repasses dos governos do Estado e federal. 

  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (1)

  • Luiz Carlos Romani
    Luiz Carlos Romani (Porto Alegre) em 18/09/18 09:38
    REPRESENTAÇÃO

    A verdade deve ser dita, mesmo que alguns não concordem. PERGUNTO: Qual deputado Estadual Cachoeira elegeu e agiu em nosso benefício, buscando verbas tanto estaduais, quanto federais? RESPOSTA, Nenhum. ASSIM, serve de lição para todo eleitor em outubro, evite votar em quem nada faz por Cachoeira, só pensa em si. Precisamos candidatos que tratem com nossos governantes, no sentido de liberar verbas para nosso município. Dinheiro existe,sim. o que não existe é interesse. Deixo aqui uma dica, mudem e anulem estes que se dizem nossos representantes, e nada fazem. Renovem deputados para a Assembléia Legislativa, e não votem em deputados estaduais, que nada fizeram e agora querem nosso voto para ir para CÂMARA DOS DEPUTADOS, vão continuar a pensar somente neles, e o povo que se dane. Seu voto é agora sua arma mais preciosa depois não adianta reclamar, que falta médicos, remédios, equipamentos, melhores salários aos professores, postos de saúde sem material. PENSEM NISTO. Seu voto é o resultado de sua indignação. Após as eleições, veremos se você está satisfeito com a falta de tudo isto, ou quer realmente mudanças.

JP no Facebook