Grupo Vieira da Cunha
Ensolarado

Tempo hoje

Min 20 / Max 35 +mais
Notícias > Política > ENFRAQUECIMENTO DA LIDERANÇA REGIONAL 12/03/2018 - 19h47 por CRISTIANO LIMA

Cachoeira do Sul perde sua unidade do MPF

Portaria redistribuindo a PRM local para Santa Cruz do Sul foi publicada pela PGR, em Brasília

A Procuradoria-Geral da República publicou no final da semana passada a portaria PGR/MPF nº 185, redistribuindo o ofício da Procuradoria da República no Município (PRM) de Cachoeira do Sul/RS (unidade do Ministério Público Federal) para a Procuradoria da República no Município de Santa Cruz do Sul.

Isto significa que, a PRM de Cachoeira do Sul foi absorvida pela de Santa Cruz do Sul, virando apenas um departamento especializado, dentro da PRM da cidade vizinha, para acompanhar os processos que tramitam na Vara Federal de Cachoeira do Sul.

O procurador da República que atua em Cachoeira do Sul e os seis servidores de carreira do MPF passam a trabalhar na unidade de Santa Cruz do Sul. Outros dois estagiários, um cargo de confiança, e cinco funcionários terceirizados, ficam dispensados.

Publicidade




EXPECTATIVA FRUSTRADA

O prefeito Sérgio Ghignatti esteve em Brasília na quarta-feira da semana passada tratando diretamente do assunto com o subprocurador-geral da República Carlos Alberto Carvalho de Vilhena Coelho e uma integrante do Conselho Superior do Ministério Público Federal.

Na ocasião os representantes da PGR deram esperanças ao prefeito Sérgio Ghignatti, sinalizando que o caso poderia ser reavaliado e que o principal motivo para o fechamento da unidade local seria a economia com aluguel. No entanto, no dia seguinte ao encontro com o prefeito de Cachoeira a portaria foi publicada.

“Lamento muito, pois é mais um órgão que deixa a cidade, isto enfraquece a nossa liderança regional. Fico triste, pois me deram esperança quando disse que poderia pagar o aluguel. Fiz o que pude, mas agora, depois de publicada a portaria, ficou bem mais difícil para reverter”, reconhece GG. 

  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (1)

  • Juarez Nascimento
    Juarez Nascimento (Cachoeira do Sul) em 13/03/18 13:16
    aceitável

    agora foi aceitável o que o prefeito falou. mas perde-se pouco. temos frentes bem mais importantes pra destinar energia do governo municipal.
    perder nunca é bom.

JP no Facebook