Grupo Vieira da Cunha

Parcialmente nublado

Tempo hoje

Min 8 / Max 19 +mais
Edição Impressa
Notícias > Cidade > Trânsito 11/02/2018 - 22h31 por CLEBER PINTO

Cachoeirense morre em acidente na BR 290

Carro colidiu de frente contra veículo argentino no Piquiri

Acidente: entre o Posto Papagaio e a Vila Piquiri Acidente: entre o Posto Papagaio e a Vila Piquiri

Um acidente por volta das 20h deste domingo, cerca de dois quilômetros do Posto Papagaio, em direção à Vila Piquiri, tirou a vida de um cachoeirense, ainda não identificado, morador da localidade de Iruí.

Ele conduzia um VW Gol na BR 290 e acabou colidindo de frente contra um veículo. Com a colisão, o VW Gol foi jogado para a pista contrária, onde acabou novamente envolvendo-se em uma colisão contra outro carro. 

O condutor do VW UP morreu na hora e os outros ficaram feridos e foram encaminhados para o Hospital de Caridade e Beneficência.

Publicidade




O trânsito está lento e em meia pista, aguardando o Instituto Geral de Perícias.

Fonte: Rádio GVC.fm

Conteúdos relacionados:

- Vítima de acidente na BR 290 será sepultada à tarde no Iruí



  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (2)

  • Márcio de Sena Bonini
    Márcio de Sena Bonini (Cachoeira do Sul) em 12/02/18 15:58
    Morreram duas pessoas?

    Morreram um cachoeirense e um argentino então? Informações dão conta que o VW UP estava com quatro argentinos enquanto que no VW Gol havia um cachoeirense residente do Piquiri que então seria a vítima fatal, creio que a notícia está confusa.

  • Luiz Carlos Romani
    Luiz Carlos Romani (Porto Alegre) em 12/02/18 15:57
    INDÚSTRIA CRIMINSA

    INDÚSTRIA CRIMINOSA, este é o termo que podemos encontrar, para qualificar estes argentinos, uruguaios e demais advindos de países vizinhos. Não respeitam nada, não atentam para sinalização, respeito com demais condutores. Fazem de tudo e não há quem os pare. O policiamento é quase zero. Trafegam há velocidades muito excessivas, 130, 150 e mais. Verdadeiros criminosos e irresponsáveis, que deveriam ser detidos e ser responsabilizados, mas não, para eles tudo, para nós brasileiros, tolerância zero.

JP no Facebook