Grupo Vieira da Cunha
Ensolarado

Tempo hoje

Min 18 / Max 30 +mais
Edição Impressa
Notícias > Cidade > EMPREENDIMENTO IMOBILIÁRIO 07/12/2017 - 21h16 por CRISTIANO LIMA

Novo conjunto habitacional no Bairro Ponche Verde fecha vazio urbano na zona norte

Loteamento Encosta Verde está com 183 terrenos à venda

Fotos - Clique na imagem para abrir a galeria
7 imagens Ilo Adolfo: abertura das ruas iniciou na terça-feira Ilo Adolfo: abertura das ruas iniciou na terça-feira

Começou a ser construído nesta terça-feira um novo loteamento que vai preencher um vazio urbano de 9,6 hectares na zona norte da cidade. O empreendimento é denominado Loteamento Encosta Verde.

A área, que era campo e agora foi desmembrada em 183 terrenos, fica no Bairro Ponche Verde, do lado direito de quem desce a Rua Araújo Porto-Alegre em direção à região do poço comprido, e vai quase até o asfalto da Rua Duque de Caxias, no Bairro Soares.

A empresa responsável pela parte da construção do empreendimento, que envolve saneamento básico e arruamento, é a Colina Urbanismo, de Sapiranga, que é um braço da Paquetá Calçados voltado para o ramo de negócios imobiliários.

Já o terreno foi adquirido de 12 herdeiros por um investidor local, fechando parceria com a empresa Colina. A negociação, que durou quatro anos, até a liberação para a construção do loteamento, foi intermediada pela corretor de Imóveis.

Ele se encarregou de encontrar a área adequada e encaminhar o negócio entre o investidor que comprou o terreno e a empreiteira, que trouxe o know-how de diversos outros empreendimentos do gênero erguidos pelo Estado.

Adolfo também possuía uma procuração da empresa para resolver a parte burocrática da Prefeitura. “Lá na Prefeitura já estavam chamando de Loteamento do Ilo, de tantas vezes que fui lá para tratar da liberação da obra”, brinca.

Os donos do projeto estimam que cerca de 1.000 pessoas irão morar no Loteamento Encosta Verde.

HABITE-SE

Conforme explicou Ilo Adolfo os terrenos vão de 244 a 360 metros quadrados, variando o preço de R$ 55 mil a R$ 88,5 mil, financiáveis com entrada de 30% e o restante em 60 prestações mensais, com juro de 8,4% ao ano mais a variação do Índice Geral de Preços de Mercado IGPM. O financiamento é direto com a empreiteira.

Desde já os interessados podem entrar em contato com a imobiliária Ilo Adolfo Imóveis para fazer reserva dos lotes. No entanto, para construir nos terrenos é necessário aguardar pela autorização de habite-se.

“As primeiras quadras estarão prontas dentro de três meses, e a previsão de conclusão total do loteamento é de um ano. Conforme as ruas forem ficando prontas, vamos encaminhando os pedidos de habite-se para já ir liberando os terrenos”, explica Ilo Adolfo.

Uma vez de posse do habite-se os proprietários estarão aptos a procurar a Caixa Federal para buscar financiamentos para construção de imóveis nos terrenos. “Com o habite-se os proprietários poderão inclusive reparcelar o restante, ou mesmo o que já foi pago à empreiteira através da Caixa Federal. 

Confira o início dos trabalhos de terraplenagem no Loteamento Encostra Verde Confira o início dos trabalhos de terraplenagem no Loteamento Encostra Verde

  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (1)

  • Paulo Sérgio Pereira
    Paulo Sérgio Pereira (Porto Alegre) em 08/12/17 09:23
    E um canto de passarinho chamando as barras do dia...

    Porta pro lado do sol, meter a cara em porfia
    E um canto de passarinho chamando as barras do dia
    Porque a vida tem sentidos, onde a razão não se cansa
    De renascer todo o dia, aonde exista esperança...

    Ao assistir o vídeo do loteamento, que traz todo um contexto de esperança de construir novos lares, lembrei-me dos versos do mestre Gujo Teixeira no tema Bem na Porteira.
    O comprador do lote vai receber de graça a companhia e o canto da passarada.
    NÃO TEM PREÇO!
    Boa sorte, gente amiga!

JP no Facebook