Grupo Vieira da Cunha

Ensolarado

Tempo hoje

Min 17 / Max 30 +mais
Edição Impressa

Política no Fórum do Leitor

Jorge Silva (Porto Alegre)
comentou sobre "Câmara aprova subvenção social para a Apae".
Imposto

bem investido, isso é que o contribuinte quer ver!!!

Comente esta notícia
Maurício Lara
Maurício Lara (Porto Alegre)
comentou sobre "Fundador do PT de Cachoeira diz que Mensalão nunca existiu".
Falta de estudo...

Afinal, o PT é o partido de trabalhadores que não trabalham, estudantes que não estudam e intelectuais que não pensam. Vejamos alguns aspectos a considerar: "No dia 6 de outubro de 1968, após assalto à mão armada ao Banco Banespa da Rua Iguatemi, em São Paulo, a assaltante vulgarmente conhecida como Dona Vanda, usando técnicas de terrorismo e portando um revólver de calibre 38 em mãos, conseguiu fugir com seus comparsas, roubando a vultosa quantia de 80 mil Cruzeiros Novos, valor que trazido para março de 2016, seria de aproximadamente R$ 690 mil. Um roubo do patrimônio do brasileiro.
O crime do assalto ao Banco Banespa em outubro/68 foi um grande sucesso para a quadrilha de terroristas, pois comparado ao de dois meses antes, quando no dia primeiro de agosto, o mesmo bando, numa tentativa frustrada de assalto ao Banco Mercantil de São Paulo, fugiu sob tiros, sem levar um centavo sequer, deixando para trás dois comparsas. Um seriamente ferido e o outro morto. Na ocasião, Dona Vanda era conhecida como Patrícia.
Dois anos depois, em 16 de janeiro de 1970, a terrorista (então chamada Dona Luíza) foi finalmente capturada pela Operação Bandeirantes e após ter sido presa e torturada, confessou ter planejado minuciosamente o assassinato do Capitão Chandler e o assalto ao Quartel da Força Pública do Barro Branco, entre outros.
Passados 45 anos, essa mesma mulher, não mais usando exatamente as estratégias de terrorismos e arma nas mãos, mas sim uma caneta de Presidente da República do Brasil e a estratégia das pedaladas fiscais ... Essa mesma Dona Vanda, Patrícia ou Luíza, que agora no poder usa o verdadeiro nome de Dilma, assalta os cofres da Caixa Econômica Federal, banco fundado em 1861 por Dom Pedro II. Mais um roubo do patrimônio público do povo brasileiro.
... E tem gente, que não conhece a história. Única desculpa para sair às ruas para defendê-la.
Essa mesma mulher, no governo de Lula assume a Presidência do Conselho de Administração da Petrobrás (até então, uma das mais sólidas e bem conceituadas empresas brasileiras), e graças a uma série de concessões, “desconhecimentos” e pela sistematização da corrupção e crime organizados durante sua gestão, a Petrobrás amarga hoje um rombo de 42 BILHÕES de Reais. Mais um roubo do patrimônio público do povo brasileiro.
... E tem gente, que não conhece a história. Única desculpa para sair às ruas para defendê-la.
Em março de 2016, a terrorista e assaltante de bancos tenta impedir a prisão de um poderoso milionário e chefe de um cartel organizado, durante uma operação da Polícia Federal. Um homem que já desviou bilhões e bilhões de reais de um país carente de remédio, comida e educação. Mais um roubo do patrimônio público do povo brasileiro.
... E tem gente, que não conhece a história. Única desculpa para sair às ruas para defendê-la.
Mas, só conhece a história quem estuda... e a primeira coisa que a "ladrona" de bancos fez em seu 2º mandato foi cortar 10,5 bilhões da educação brasileira. Boa estratégia, pois se mantiver seu público eleitor sem acesso à educação, garantirá as próximas eleições ao PT (povo que o próprio Lula chama de “peões”). Sem leitura e educação, este ciclo poderá se perpetuar.
Mais um roubo do patrimônio público do povo brasileiro.
Se ainda não acredita nos fatos acima, estude para confirmar e tirar suas dúvidas e então, dar um basta ao roubo do teu patrimônio.
Isto sim que é um golpe.!"

Comente esta notícia Expandir
Jorge Silva (Porto Alegre)
comentou sobre "Câmara de Vereadores recuou na transparência".
Transparência

nunca foi prioridade do poder legislativo, tanto dos municípios quanto estaduais e federal!

Comente esta notícia
Delmar  Pereira
Delmar Pereira (Cachoeirinha)
comentou sobre "Fundador do PT de Cachoeira diz que Mensalão nunca existiu".
Em pleno século vinte um,

Tem ''gente'' que ainda tem ladrõezinhos e assassinos de estimação como ídolos.
A onde a humanidade vai parar, pois quem defende ladrões e assassinos (por tabela) não seriam iguais a eles? Fica a pergunta!
Fazer e roubar, será o doravante o lema dos defensores 'lavados' desta corja de PolíTcos desonestos que tolheram os sonhos dos Brasileiros em terem uma vida melhor!
Será que está faltando o discernimento necessário para que façam um paradoxo racional entre certo e o errado! Se sim, está parecendo que são loucos, fora da realidade e ainda juram de pés juntos que estão agradando.
# lulu livre, leve e solto... em 2030 (se não for condenado em outros processos que responde, do sítio, aviões e etc...).

Comente esta notícia Expandir
Delmar  Pereira
Delmar Pereira (Cachoeirinha)
comentou sobre "Fundador do PT de Cachoeira diz que Mensalão nunca existiu".
O mensalão nunca existiu?

Falar e depois se esconder é típico de pessoas sem nenhum compromisso com a verdade, infelizmente tem ainda os que fazem isso para se promoverem ou explicarem um fato, principalmente da roubalheira generalizado que está acontecendo no nosso país, e o protagonista desta reportagem até o momento é a cara destas pessoas (tem muitas ainda aqui no fórum fazendo este papelão, uns deixaram de comentar PolíTica e agora viram comentaristas de futebol e outras amenidades e pasmem, até riem como Hyaenidae-hienas).
É incrível, para elas nunca ninguém tem culpa de nada (claro que os da ideologia que eles defendem), estão sempre culpando os outros pelo que fazem de errado ou tentando captar o erro de alguém pra fazer intriga e se saírem por cima.
Será que este cidadão não vai ter a hombridade de procurar o Jornal e vir aqui explicar para todos nós o porque de sua posição ou se depois de todos os acontecimentos envolvendo os seus ídolos mudou de ideia?
Colado abaixo um link com declarações do Dirceu, que por seus próprios cálculos, ele pode entrar na cadeia para não sair nunca mais, já que está com 72 anos.
https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/04/eu-nao-posso-brigar-com-a-cadeia-nem-me-render-vou-ler-estudar-e-fazer-politica-diz-dirceu.shtml

Comente esta notícia Expandir
Acesse o Fórum do Leitor

Colunistas

Francisco Bastos

Francisco Bastos

Terapias do SUS
Paulo Sanmartin

Paulo Sanmartin

LULA LÁ NA CADEIA

VC Repórter - imagem do leitor

Enviado pela leitora Catiane Flores

A foto ao lado foi enviada ao VC Repórter por Jornal do Povo

Envie uma foto para o VC Repórter