Grupo Vieira da Cunha
Ensolarado

Tempo hoje

Min 6 / Max 21 +mais
Edição Impressa
11/08/2017 - 09h24

Arquitetando amores

Projetos de arquitetura, casas lindas, espaços internos, jardins inigualáveis e construções arrojadas e únicas são o pano de fundo deste livro de Jude Deveraux, de nome “Amor verdadeiro” (Editora Essência, 462 páginas, R$ 49,90), que vem fazendo sucesso no mundo inteiro e foi destaque no conceituado jornal “The New York Times”.

O mais interessante é que se trata de uma história de amor, cujo desfecho feliz foi habilmente arquitetado em um testamento. Tudo começa quando Alix Madsen, filha de um arquiteto, acabou de se formar na profissão do pai e pretende arrumar um emprego no escritório do celebrado Jared Montgomery. Mas a tia de Jared, amiga de Alix, habilmente põe no testamento que o sobrinho poderá herdar sua charmosa casa na ilha de Nantucket, em Massachussets, desde que Alix a ocupe por um ano, como moradora.

Em meio ao verão na ilha, Alix e Jared são obrigados a conviver juntos. Mas a casa, um sonho para qualquer arquiteto, tem mistérios e forças invisíveis. E, para completar, a tia tinha também outro propósito quando colocou Alix na casa: solucionar o desaparecimento de Valentina, uma das mulheres da família Kingsley, ocorrido cerca de dois séculos antes.

A escritora Jude Deveraux nasceu nos Estados Unidos em 1947 e é uma das mais importantes autoras de romance americano. Escreveu mais de 60 livros, sendo que mais de 30 figuraram na lista dos mais vendidos do “New York Times.” Suas histórias já foram traduzidas para cerca de 20 países e venderam mais de 60 milhões de exemplares no mundo.

Depois de morar em vários estados americanos, na Inglaterra e no Egito, Jude hoje vive em Charlotte, Carolina do Norte (EUA), além de manter uma casa de veraneio em Badolato, cidade medieval da Itália.

 

Trecho:

“Ele vestiu o jeans e pegou o resto das roupas do chão.
Alix pôs uma camiseta e foi à janela. Ia destrancá-la
quando Jared, do outro lado da cama, estendeu o braço atrás do retrato do comandante Caleb, destravou alguma coisa que fez um clique e retirou a grande moldura.
Alix ficou perplexa, principalmente porque ela, como
arquiteta, não havia reparado que bem próximo ao quadro havia dobradiças e o retrato camuflava uma passagem secreta. Ela se recuperou do choque em um minuto, e depois rolou pela cama até chegar a Jared. Atrás do retrato havia uma porta e uma escadaria suja e estreita que levara para a parte debaixo da casa.
-Alix! –disse Ken, desta vez mais alto.
-Só um minutinho, pai, estou me vestindo. –Olhou para
Jared e sussurrou: -Isso foi feito para que o comandante pudesse entrar e sair sorrateiramente do quarto de Valentina?”

(página 229)



MAIS VENDIDOS I

A lista dos mais vendidos no país em julho de 2017, segundo levantamento da revista PublishNews, apresenta um empate técnico entre os dois primeiros colocados. “Batalha espiritual”, do padre Reginaldo Manzotti, ainda está na frente, com 13.500 exemplares, mas “O mundo de Larissa Manoela”, de Larissa Manoela, encosta com 13.488. Algumas novidades na lista são “Outros jeitos de usar a boca”, de Rupi Kauer, na quinta colocação, e “Na minha pele”, do global Lázaro Ramos, avançando rapidamente, em sétimo. Na lista parcial de 2017, “Batalha espiritual” vence com folga (100.468 exemplares), seguido de “O homem mais inteligente da história”, de Augusto Cury, com 92.635. Já “O mundo de Larissa Manoela” tem apenas 36.701 no ano. 

 

MAIS VENDIDOS II

Eis a lista dos mais de julho de 2017:

1º. “Batalha espiritual” 13.500
(Padre Reginaldo Manzotti)

2º. “O mundo de Larissa Manoela” 13.448
(Larissa Manoela)

3º. “O poder de ação” 11.337
(Paulo Vieira)

4º. “Sapiens” 9.711
(Yuval Noeah Harari)

5º. “Outros jeitos de usar a boca” 9.644
(Rupi Kauer)

6º. “Propósito” 9.175
(Sri Prem Baba)

7º. “Na minha pele” 8.693
(Lázaro Ramos)

8º. “Como vencer gigantes” 8.675
(William Douglas/Flávio Valvassoura)

9º. “Minutos de sabedoria” 7.572
(C. Torres Pastorino)

10º. “Ansiedade –como enfrentar o mal do século” 7.340
(Augusto Cury)

 

LENDÁRIA EDITORA

No último dia dois de agosto, morreu, aos 93 anos, a lendária editora Judith Jones, famosa por ter resgatado o diário de Anne Frank de uma pilha de material rejeitado, em Paris. O diário foi publicado na Holanda em 1947, seguindo por edições em francês e alemão em 1950. Em 1952 saiu a primeira edição nos Estados Unidos, com prefácio da ex-primeira dama Eleanor Roosevelt. Depois o livro tornou-se um best-seller, com vendas em todo o mundo. 

 

GATILHO

Quais questões podem ser um empecilho na busca de objetivos? No livro “O efeito gatilho” (Companhia Editora Nacional, 304 páginas, R$ 46,90), o coach Marshall Goldsmith examina os gatilhos psicológicos e ambientais que impedem as pessoas de alcançar o sucesso no trabalho e na vida. O autor também apresenta técnicas para gerar mudanças de comportamento benéficas e duradouras.

 

ACIMA DA MÉDIA 

O que um profissional deve ter para ficar acima da média, em um mercado altamente competitivo e com poucas vagas? André Portes, especialista em gestão administrativa e palestrante, lista oito características essenciais que fazem a diferença. Elas estão em “O profissional incomum” (Best Business/Record, 256 páginas, R$ 29,90), em que aponta que atitude, bom relacionamento, disciplina e capacidade de solucionar problemas são qualidades comuns mas que nem sempre são colocadas em prática de forma adequada. 

 

Leituras:

“Na altura das minas de carvão, a ruiva chegou ao ápice daquele incomparável momento. “Esta louca é fantástica,” imaginou Réuris, que também desfrutou daquele indescritível instante. As luzes da metrópole despontavam na escuridão do horizonte, quando os dois experimentaram de novo aquela sensação mágica de entrega total. Próximo ao destino, o passageiro prepara-se para voltar ao seu banco, convencido de que nunca havia conhecido uma mulher como a ruiva que tivera em seus braços, rumo a Porto Alegre.
Assim que o ônibus chegou ao seu destino, Réuris, ainda
empolgado pela viagem, foi o primeiro a descer. Plantado ao lado do coletivo, aguardava o desembarque dos passageiros e da mulher, para trocar breves palavras com ela e ao menos saber o seu nome. Após alguns minutos, percebeu que o motorista fechava a porta do coletivo. Réuris alertou que ainda havia uma mulher lá dentro. Por precaução, o condutor ingressou no veículo, foi até a última poltrona, inspecionou o banheiro e não encontrou ninguém. “Moço, aqui não há mais passageiros e sequer vi alguma ruiva embarcar neste trajeto,” revelou o motorista, para espanto e pavor do incauto passageiro.”


(Luis Bacedoni, em “Tramas Literárias,” página 14, lançado em 2011). 

 

Rodapé:
O ano de 2016 foi muito ruim para o mercado de livros. O balanço do primeiro semestre de 2017 mostra, porém, que as coisas começam a ficar diferentes. As vendas vêm em ritmo de recuperação desde janeiro e no acumulado cresceram 6,59 por cento, comparando-se ao mesmo período do ano passado. Em volume, o crescimento foi de 5,47 por cento, saltando de 20.923.476 unidades vendidas em 2016, para 22.067.604, em 2017.



Destaques:

O PRESENTE

Autor: Cecelia Ahern 

A história é sobre uma pessoa cujo interior é revelado a todos que a estimam e todos são revelados a ele. Lou é um ocupado executivo que conhece Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve. Os dois começam a conversar e Lou faz descobertas importantes que acabam mudando toda a sua vida. Cecelia Ahern é autora do best-seller “P.S. Eu te amo.”

Editora Novo Conceito. 252 páginas. R$ 21,90.

 


O RETRATO

Autor: Erico Veríssimo

O livro é a segunda parte da trilogia “O tempo e o vento” e percorre a história do Brasil e do Rio Grande do Sul acompanhando a trajetória da família Terra Cambará. Um dos maiores escritores brasileiros, Érico Veríssimo conta a a história de Rodrigo Cambará, bisneto do heroico capitão Rodrigo. Seu projeto é modernizar tudo, desde a casa onde vive à cidade inteira. Adere ao governo Getúlio Vargas e muda-se para o Rio de Janeiro durante o Estado Novo. Em 1945, já doente, Rodrigo volta à cidade natal para um ajuste de contas com a família.

Editora Companhia das Letras. 354 páginas. R$ 54,90. 

  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (0)

  • Nenhum comentário para o conteúdo.

Postagens mais recentes de Blog dos Livros

mais postagens de Blog dos Livros

JP no Facebook