Grupo Vieira da Cunha
Trovoadas esparsas

Tempo hoje

Min 10 / Max 21 +mais
Blog dos Bichos

Blogs

Blog dos Bichos

Cristiane Vieira da Cunha
cristiane@jornaldopovo.com.br
17/05/2018 - 10h53

Corgi: conheça mais sobre o cachorro da realeza britânica

País de origem: Grã-Bretanha
Preço médio: entre R$ 5 mil e R$ 7 mil
Tipo de pelo: Médio
Porte: pequeno
Área de criação: pequena
Energia: alta
Temperamento: dócil
Descrição
Grupo: 1 –
Cães Pastores e Boiadeiros
Porte: 1 – Cães Pastores
Machos: entre 25 e 35 centímetros/entre 10 e 12 quilos
Fêmeas: entre 25 e 35 centímetros/entre 9 e 11 quilos
Tipo de pelo: médio, reto e com denso subpelo Temperamento: corajoso, habilidoso, amigável, sociável e inteligente
Expectativa de vida: 12 a 14 anos 


Origem e lendas do Welsh Corgi Pembroke

A lenda mais famosa acerca desta raça diz que crianças da família real brincavam quando encontraram filhotes parecidos com raposas. As crianças levaram os bichinhos para casa e os adultos lhes disseram que estes animais eram presentes de fadas e que eles eram usados para puxar suas carruagens. A história diz que as marcas presentes na pelagem dos Corgis são as mesmas marcas das selas das fadas.

Publicidade




De qualquer modo, a raça é proveniente do País de Gales, provavelmente trazida da região de Flandres (trazidos por tecelões vindos desta região) ou da Escandinávia (trazidos por vikings). De qualquer forma, sua origem data do final do século IX ou início do século X.

A raça ganhou notoriedade pela família real e ficou famosa no mundo. Cães desta raça também foram, popularmente, usados no pastoreio de pequenos animais. Sua pequena altura favorecia seu caminhar entre os animais de maior porte e, com sua inteligência, podia ser facilmente treinado.

Os corgis aparecem frequentemente em filmes que englobam histórias sobre a realeza como nos longas famosos “O discurso do rei”, de 2010, e “A Rainha”, de 2006. A rainha Isabel II, do Reino Unido, possui sete exemplares destes em seu palácio e é sempre vista na companhia de seus animaizinhos.


Temperamento e características do Welsh Corgi Pembroke

Os cães desta raça são muito inteligentes. O Pembroke figura em 11º lugar no famoso ranking estudado por Stanley Coren, autor e estudioso americano que escreveu o livro “A Inteligência dos Cães”, traduzido e distribuído internacionalmente. Ele é, originalmente, um cão de pastoreio e, hoje em dia, é muito usado como cão de companhia, por se adaptar bem à vida doméstica e apartamentos.

Trata-se de um cão obediente e de ótima personalidade. É também muito ativo e pode latir muito, caso esteja em stress ou situação de euforia (brincando com crianças, por exemplo). O Pembroke é dócil, brincalhão e responde muito bem a treinamentos.
Seu porte é pequeno, pois é baixinho. Seu corpo é forte. Muitas vezes é confundido com o Welsh Corgi Cardigan, estando a diferença de um para o outro no rabo. A cauda do Pembroke é curta enquanto a do Cardigan é mais comprida. Este bicho tem uma aparência robusta e resistente.

Como ocorrem com todos os animais domésticos, cães desta raça precisam ser estimulados ao exercício para evitar a obesidade canina, além de ser alimentado com ração adequada. Por isso, mesmo que morando em um apartamento, o Pembroke precisa de atividades programadas ao ar livre como passeios e brincadeiras.
No caso desta raça, o peso deve ser especialmente controlado, pois o sobrepeso acarreta outros problemas, como doenças da coluna e articulações. Isso ocorre devido a seu tronco robusto e patas curtas. É recomendado que ele realize caminhadas de baixo impacto, pois não possui porte atlético para corridas mais vigorosas e saltos, por exemplo.

De qualquer modo, é um animal de fácil cuidado e não tem histórico de doenças frequentes. Sua pelagem faz com que este cão fique confortável em climas temperados. Os cuidados resumem-se em escovação semanal para retirada de pelos caídos. Além dos cuidados básicos com dentição (seus dentes precisam ser escovados diariamente. Este cãozinho adora a convivência familiar e precisa de muita atenção. Por isso, é ideal que seus donos estejam preparados para incluí-lo na rotina da família. Os pembrokes sempre querem agradar e receber agrados.

Os Welsh Corgi Pembrokes são perfeitos para convivência com crianças, idosos e famílias numerosas ou que recebem muitas visitas, pois adora estar no meio das pessoas e também se adapta à presença de outros animais.

É um cãozinho da realeza, porém de grande popularidade entre todos: sejam príncipes ou plebeus.

  • amigo

É preciso estar logado para deixar o seu comentário. Clique aqui para fazer seu login.

Comentários (0)

  • Nenhum comentário para o conteúdo.

JP no Facebook